contador de visitas para blog
Loading...

terça-feira, 23 de setembro de 2014

“Nos próximos dias estarei tirando uma licença do governo. Vou me dedicar exclusivamente à campanha para eleição do candidato Camilo”, declarou o governador Cid Gomes (Pros), na manhã de ontem, 22, durante a entrega de viaturas policiais e do Corpo de Bombeiros.

Apesar do anúncio de seu afastamento, a Chefia do Gabinete do Governador informou que não foi definido ainda quando e por quanto tempo durará essa licença.

A 15 dias do primeiro turno das eleições, o chefe do executivo estadual irá a campo em campanha pró-Camilo depois que os dados da última pesquisa O POVO/Datafolha, mostraram que o petista, apoiado por Cid, subiu três pontos, mas permanece atrás de Eunício Oliveira.

Apesar da diferença entre Camilo e Eunício ter caído para sete pontos, o peemedebista venceria a disputa no primeiro turno, ao levar em consideração os votos válidos (51%). Contudo, com a margem de erro de três pontos percentuais, a possibilidade de um segundo turno entre os dois candidatos não é descartada.

Sucessão
O Presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador Luiz Gerardo de Pontes Brígido, deve substituir Cid, pois o Estado não tem um vice, desde a saída de Domingos Filho -agora conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

Mesmo na ausência do vice-Governador, o atual presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, também não poderá assumir a vacância, pois ele disputa uma reeleição ao cargo de deputado estadual.

Segundo a assessoria do TJCE, o desembargador Luiz Brígido ainda não recebeu nenhum comunicado oficial por parte do Palácio da Abolição até o início da noite de ontem.

Repercussão
Para o candidato Ailton Lopes (Psol), o afastamento de Cid, do ponto de vista político é correto, mas ele questiona a decisão no âmbito administrativo.

“O Estado perde, pois algumas decisões só ele decidiria. O afastamento dele é um justificativo que ele está mais interessado com a política partidária do que as políticas dos cidadãos.”, criticou Ailton.

De acordo com a candidata do PSB, Eliane Novais, a saída de Cid só agora é ‘ridícula’. “Ele já deveria ter tirado há mais tempo pelo fato de ele já estar na rua. Ciro também deveria se afastar, ele não trabalha”.

Procuradas, as assessorias de Eunício Oliveira e Camilo Santana disseram que não comentarão o licenciamento de Cid até que ele seja oficializado.

SERVIÇO

Palácio da Abolição
Onde: Av. Barão de Studart, 505 - Meireles, Fortaleza 
Telefone: (85) 3466.4000
Mais informações: 

Saiba mais

Esta não é a primeira vez que Cid licencia-se do executivo para dedicar-se à caçada por votos. Em 2012, a seis dias do primeiro turno, o Governador também se afastou do governo para para apoiar o seu candidato à Prefeitura de Fortaleza, Roberto Cláudio.

Desde o dia 20 de agosto, o Estado do Ceará não dispõe um Vice-Governador. Depois de três anos e oito meses ao lado de Cid Gomes, Domingos Filho deixou a vice-governadoria para assumir uma vaga de conselheiro do TCM, seguindo uma indicação da Assembleia Legislativa do Ceará.

Segundo pesquisa O POVO/Datafolha, divulgada no domingo, 21, o petista Camilo Santana tem 34% das intensões de voto, e permanece atrás de Eunício Oliveira (PMDB), que conta com 41%. Num possível segundo turno, Eunício tem 45%, enquanto Camilo dispõe de 37% das intensões de voto

Sobre Petrobras, Cid voltou a dizer que que solicitou ao diretor–geral da PF, ao procurador-geral de Justiça e ao presidente do STF, a quebra de sigilo no processo, caso tivesse sido, de fato, citado no inquérito. Ele ainda disse ter conversado pessoalmente com o presidente do STJ.

Entretanto, Cid obteve como resposta a informação de que nenhum dado sobre o caso deve ser revelada, já que tudo corre em segredo de Justiça.

Durante a entrevista, quando Cid foi questionado sobre a Petrobrás, um dos assessores do governador pediu que os repórteres encerrassem as perguntas. Mas foi contido pelo próprio Cid. “Pode deixar”, disse ele. Depois, a situação se repetiu e o governador foi mais enérgico. “Bora, rapaz! Deixa, rapaz!”, ordenou ele, que se defendeu das acusações.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Siga Noticia Atual Por Email

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Popular Posts

Curtam Nossa Pagina no Facebook