contador de visitas para blog
Loading...

domingo, 26 de outubro de 2014


Numa ação rápida da polícia, três homens acusados de roubarem mais de R$ 68 mil da agência dos Correios de Barro foram presos no centro da cidade. Vladimir Siqueira dos Santos, de 28, Maicon Silva de Jesus, de 22, e Vinicius Soares Cabral, de 19 anos, residem no município de Feira de Santana (BA). Com eles, os policiais recuperaram R$ 68.859,75 que foram roubados e apreenderam a moto Honda CG 150 Titan Mix KS de cor preta e placa HKX-8735, inscrição de Minas Gerais, usada no crime.

Vladimir disse que é pedreiro e mora na Rua Castanheira, 51 (Bairro Tomba), enquanto Maicon falou que é servente de pedreiro e reside na Rua J número 72 (Bairro Aviário) e Vinicius garantiu ser um pintor residente na Rua Seringueira, 41 (Conjunto Amazonas). A polícia apreendeu ainda um veículo Fox de cor prata e placas JRB-6550, inscrição da Bahia, visto no apoio à fuga dos assaltantes, além de um revólver calibre 38 com cinco cartuchos intactos e uma espingarda calibre 20 com nove cartuchos intactos.


O trio baiano estava ainda com oito  cartões de vários bancos, um CPF, um cartão da Guanabara em nome de João Félix de Sousa, três cartões de vários bancos em nome de Rafael Aquino Silva, um cartão em nome de Juliana M. Correia outro tendo como titular Nelson Pinto Almeida e mais um de Faustiane Félix. Além disso, o CPF de Rodrigo Randerson Inácio Silva, R$ 70,00 na carteira de um deles, nove aparelhos celulares, dois relógios, uma aliança, um anel, 40 cartelas da Tele-sena, três carteiras e um pendrive.


Segundo testemunhas, os três chegaram no dois veículos à agência dos correios anunciando o assalto quando agiram com violência roubando o dinheiro e pertences de alguns clientes. A polícia foi avisada e Major Queiroz, Comandante da Companhia de Brejo Santo, liderou as diligências conseguindo cercar o trio por aproximadamente duas horas com o apoio dos seus colegas.

Os acusados foram conduzidos à Delegacia Regional de Polícia Civil de Brejo Santo, mas a titular recomendou que o caso fosse encaminhado à Delegacia de Polícia Federal de Juazeiro por se tratar de um órgão ligado ao Ministério das Comunicações. Como na sexta-feira a PF não pode fazer o flagrante, este só foi realizado na manhã deste sábado. A operação da polícia contou ainda com a ação do Subtenente Edson do BPMA, Capitão Rabelo, Sargento Xavier e os Soldados Jean, Soares, Marcelino.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Siga Noticia Atual Por Email

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Popular Posts

Curtam Nossa Pagina no Facebook