contador de visitas para blog
Loading...

domingo, 28 de setembro de 2014

Em ano de eleição, os 22 deputados federais do Ceará não pouparam sola de sapato – nem o bolso do contribuinte – e gastaram $ 940 mil em passagens de avião e R$ 531 mil em combustíveis apenas nos nove primeiros meses de 2014. O valor seria bastante para dar 53,9 voltas ao mundo e comprar, para cada parlamentar, 12 passagens de ida e volta entre Fortaleza e Tóquio. Entre outros gastos apenas para manter seus gabinetes, foram investidos R$ 5,2 milhões.

As informações tem como base levantamento do O POVO no portal da Câmara dos Deputados. Ao todo, valor destinado a combustíveis pagaria - a R$ 2,95 o litro - 180,2 mil litros de gasolina. Em um New Fiesta 1.6, carro de faixa de preço média e desenvolvimento de 12km/litro, seria o bastante para rodar 2,1 milhões de quilômetros - 53,9 voltas ao mundo.

Já em pesquisa em diversas páginas de viagens, passagem de ida e volta para Tóquio já na próxima semana teve preço mais barato de R$ 3,5 mil. O valor compraria mais de 267 passagens, o suficiente para mandar cada deputado 12 vezes para passar uma temporada na megalópole japonesa.
 
As remunerações
Os valores fazem parte do chamado “cotão”, verba para cobrir despesas do dia a dia dos deputados. Além de salário mensal de R$ 26,7 mil, parlamentares tem direito ainda a “cotão” de R$ 35 mil para alimentação, cota telefônica e postal, combustíveis, consultorias, passagens aéreas, fretamento de aeronaves e até divulgação do mandato. 

Se soma a isso ainda uma verba de gabinete de R$ 78 mil, que pode ser usada para contratar até 25 funcionários. Fecha a soma uma ajuda de custo de R$ 1,1 mil e, para 197 deputados que não ocupam apartamentos funcionais da Câmara, até R$ 3,8 mil em auxílio moradia.

Bancada cearense
Nesse sentido, cearenses gastaram R$ 5,2 milhões do cotão somente até 26 de setembro. Deste total, R$ 771 mil foram usados apenas para divulgar o mandato dos deputados - sendo Gorete Pereira (PR) a que mais investiu nesse quesito, com R$ 92,6 mil.

Já em telefonia foram R$ 35,6 mil, sendo Mauro Benevides (PMDB) o maior “falador”, com R$ 40,5 mil. Para manter escritórios dos deputados, também foram investidos R$ 407 mil, com Chico Lopes (PCdoB) mantendo o mais caro, de R$ 81,8 mil. O gabinete mais caro é de João Ananias (PCdoB), que gastou R$ 317,7 mil do cotão.

Números\

531 mil é o valor que deputados gastaram com combustíveis neste ano

53,9 voltas ao mundo poderiam ser dadas em um carro 1.6, com a gasolina a R$ 2,95, com o valor

940 mil é o valor que deputados gastaram com passagens aéreas neste ano

267 passagens entre Fortaleza e Tóquio poderiam ser compradas com o valor investido

Saiba Mais\

Mais econômicos. Edson Silva (Pros) e Genecias Noronha (PMDB) foram os dois deputados mais “econômicos” entre os parlamentares cearenses. Gastaram, respectivamente, R$ 152,3 mil e R$ 162,7 mil.
 
Bons de garfo. Apesar dos altos gastos com locomoção, alguns dos deputados preferiram não usar do dinheiro público para bancar suas refeições. Dos 22 deputados, apenas onze usaram do benefício. O melhor no garfo foi André Figueiredo (PDT), que gastou R$ 8,1 mil.
 
Refeição. Apesar de ter gastado menos no valor geral, Manoel Salviano (PSD) fez algumas das refeições que mais chamam atenção no individualmente. Em um dos recibos do parlamentar, está registrada refeição de R$ 1,1 mil no hotel Nacional.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Siga Noticia Atual Por Email

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Popular Posts

Curtam Nossa Pagina no Facebook