contador de visitas para blog
Loading...

sábado, 15 de março de 2014

O protesto contra a Copa marcado para esta quinta-feira (13), que teve início do Largo da Batata, registrou um manifestante ferido, cinco detidos e um banco depredado.
A Polícia Militar previa, inicialmente, que 1.700 pessoas participassem do Terceiro Ato Contra a Copa em São Paulo e reforçou o efetivo. Mas a adesão foi bem menor. Quando o grupo chegou na Avenida Paulista, a PM estimava que 400 pessoas participavam da manifestação.
Por volta das 18h, horário marcado para o início do protesto, os manifestantes começaram a se concentrar no Largo da Batata, em Pinheiros, zona oeste da capital.
Cerca de uma hora depois, a marcha seguiu até a Avenida Paulista, onde um grupo de manifestantes atacou uma agência do Banco do Brasil. Três pessoas foram detidas e levadas ao 78º DP (Jardins).
Outras duas pessoas, acusadas de carregar armas brancas, haviam sido detidas anteriormente e levadas ao 14º DP (Pinheiros).
Depois de chegarem ao metrô Vergueiro e ameaçarem um retorno à Avenida Paulista, os manifestantes desceram a Avenida Liberdade.
Ali, o estudante de ensino médio Guilherme de Souza, de 20 anos, afirmou ter sido agredido por um policial militar. Ele afirmou que estava correndo, ao lado de um colega, e foi golpeado com um cassetete. O estudante deixou o protesto com o lado direiro da cabeça sangrando.
Por volta das 23h, na Praça da Sé, os manifestantes encerraram o ato.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Siga Noticia Atual Por Email

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Popular Posts

Curtam Nossa Pagina no Facebook