contador de visitas para blog
Loading...

terça-feira, 2 de setembro de 2014

Após o crescimento de Marina Silva (PSB) na última pesquisa eleitoral do Instituto Datafolha, no dia 29 de agosto, correligionários da presidente Dilma Rousseff (PT) e de Aécio Neves (PSDB) no Ceará ainda afirmam que Marina foi beneficiada pela exposição midiática desde a morte de Eduardo Campos e pela comoção com a tragédia. Por sua vez, pessebistas torcem para que crescimento da ambientalista reflita na campanha da candidata ao Governo Eliane Novais (PSB).

Marina aparece empatada com Dilma no primeiro turno, ambas com 34 pontos, enquanto Aécio está em terceiro lugar, com 15% das intenções. Na simulação de segundo turno, a ambientalista tem dez pontos de vantagem sobre a atual presidente, tendo 50% das intenções de votos contra 40% da petista.

"O que assistimos foi um grande festival de teatro que potencializou (a candidatura de Marina) de forma a criar uma grande onda. Como o próprio nome diz, está no pico", minimiza o presidente do PT Ceará, De Assis Diniz. Ele critica o projeto da candidata, afirmando que prega "nova política" e se utiliza de "velhos costumes" e "velhos coronéis".

"Vamos agora para o debate, para o enfrentamento de ideias, de proposições. Ela ainda não se apresentou quem é, o que faz, nem o seu projeto", atesta.

O deputado federal Genecias Noronha, presidente do SD Ceará e aliado à candidatura de Aécio Neves, admite que o crescimento de Marina é uma surpresa que complicou a campanha do tucano, mas opina que o candidato ainda tem chances com o espaço na televisão e debates. Ele pondera que, embora a campanha de Aécio venha se intensificando no Estado, Dilma é mais forte no Nordeste em razão dos programas sociais.

Noronha questionou a capacidade de Marina de governar o Brasil. "Não a vejo com preparo para governar o País. Além da complexidade de ser muito radical, intransigente, como ela vai formar uma maioria no Congresso para conseguir governar esse País se os três maiores partidos vão estar na oposição?", indaga.

Já o candidato a vice-governador pelo PSB, Leonardo Bayma, disse que o esperado é que Marina vá para o segundo turno com Dilma. "Pelo andar da carruagem, não se pode descartar nem a hipótese de que Marina ganhe no primeiro turno", apostou.

Segundo a candidata do PSB ao Governo do Estado, Eliane Novais, quando Eduardo Campos era candidato à presidência, a expectativa era de que 1,5 milhões de votos no Ceará fossem destinados à sua candidatura. Com Marina, ela espera cooptar mais de três milhões de votos e planeja ir a São Paulo nesta semana para gravar com Marina seu programa eleitoral.

Além das gravações, tanto Marina como seu vice, Beto Albuquerque (PSB), virão ao Estado na primeira quinzena de setembro, segundo Leonardo Bayma. "A única candidata ao Governo que terá Marina na propaganda é Eliane", reforça.

Fonte: Diário do Nordeste
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Siga Noticia Atual Por Email

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Popular Posts

Curtam Nossa Pagina no Facebook