contador de visitas para blog
Loading...

sábado, 22 de março de 2014

Mesmo com o apoio de diversos líderes evangélicos, grupos de bacharéis em direito, militares e uma multidão de jovens que já assistiram a suas palestras motivacionais, Rubens Teixeira, pré-candidato a deputado federal, não terá o apoio de sua igreja nas próximas eleições.
Pastor da Igreja Assembleia de Deus em Marechal Hermes, Ministério de Madureira, presidida pelo pastor Magner Ferreira, Teixeira foi orientado a não se identificar como candidato dentro da denominação.
Magner é filho do bispo Manoel Ferreira, presidente vitalício da Convenção Nacional das Assembleias de Deus (Conamad). Rubens não deve contar nem com o apoio da convenção estadual do Rio de Janeiro, que é presidida pelo pastor Abner Ferreira, também filho do bispo Manoel.
Rubens Teixeira é evangélico desde a infância e foi criado na Assembleia de Deus. Filho de pais pobres superou diversas adversidades. Hoje Teixeira ocupa o cargo de diretor financeiro da Transpetro e teria aceitado o convite para candidatar-se devido o desejo de trabalhar em prol das comunidades mais carentes.
O pastor também é coautor do best seller “As 25 Leis Bíblicas do Sucesso” e estaria se preparando para lançar novos livros. Rubens tem uma proximidade com o ex-ministro Marcelo Crivella que deve disputar o governo do Rio de Janeiro.
Os líderes do Ministério não comunicaram o motivo de proibirem a menção do pastor como pré-candidato, sabe-se apenas que eles já teriam confirmado apoio político a outros parlamentares.
Acredita-se também que as opiniões do pastor, que é considerado um intelectual cristão devido seu excelente currículo acadêmico, tem constrangido a liderança da Assembleia de Deus no Rio de Janeiro.
Teixeira é Doutor em Economia pela UFF, Mestre em Engenharia Nuclear pelo IME, Pós-graduado em Auditoria e Perícia Contábil pela UNESA, Engenheiro de Fortificação e Construção (civil) pelo IME, Bacharel em Direito pela UFRJ (aprovado na prova da OAB-RJ) e Bacharel em Ciências Militares pela AMAN.
Recentemente Teixeira participou de um debate no programa “Antenados na Geral” falando sobre política e criticou a forma como as igrejas tratam a política no Brasil. No debate o pastor afirma que os fiéis devem questionar as indicações políticas feitas pelos líderes e afirma que quem não questiona acaba sendo “alienado”.
Pessoas próximas ao pastor confirmam que Teixeira estaria sendo proibido de anunciar uma provável candidatura em sua igreja, mas também informam que ele ainda não tomou nenhuma decisão sobre uma eventual candidatura.

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Siga Noticia Atual Por Email

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Popular Posts

Curtam Nossa Pagina no Facebook